30/05/07

30 de MAIO DE 2007

5 comentários:

TINTA PERMANENTE disse...

Foi o piquete dos serviços mínimos que abriu o blog para por o letreiro 'fechado' ?!...
O meu apoio é a 101%!
Abraços!


p.s. - aquela coisa do 'bicho' não entendi....

Maria Velho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Maria Velho disse...

Ah! O Bicho....! Desculpe a minha inconsistência!Já não me lembrava da provocação que lhe fiz no outro blog...
Sabe que quando falou do "seu" Iratan e Iracema, do d'Eça Leal, que eu só li já era uma criança grande, levou-me ao tempo em que a minha mãe, avó, pai, irmão e outros assistentes me diziam. constantemente, "tens bichos-carpinteiros", "pareces um bicho do mato" e "bicho-mau" vinha almoçar e jantar comigo e, ainda, os Bichos de conta eram a minha paixão! Salvaguardando as distâncias, ou diferenças, eu também fui um(a) dos meninos(as) mais malcriadas do "mundo"...e o Caro Canho? Qual destes foi ou é?
Ou, reformulando a pergunta, ainda é um bichinho ou tem muitos bichinhos? Eu , mesmo não vivendo tão perto do mar, tenho , ainda, muitos...

TINTA PERMANENTE disse...

Só agora!...; como eu ando distraído...
Bom, bichinhos sempre os tive: os mais, claro, eram (são) carpinteiros. Mas também tive bichos-da-seda, muitos, muitos quantos podiam caber nas caixas de sapatos que arranjava e, especialmente, folhas de amoreira conseguia apanhar no jardim D. Fernando...
Mais tarde, já menino de muito ano, criei pirilampos!...
Não foram muitos, mas os suficientes para me sentir menino...
Abraços!

Maria Velho disse...

Ah!...encontrou o PME!
Bichos da seda...como eu chorava quando , na escola, abrigavam os casulos numa caixa de cartão!!
Pirilampos, Pirilampos, nunca criei..mas vejo muitos, todas as noites!
e também varro o serrim dos outros bichinhos, todos os dias...

passearam no meu país...

Raríssimas...sabe o que é?

Arquivo da ervilheira

A minha "mais Kika"

A minha "mais Kika"

Dizer Não!!!

om

Alguns minutos de Boa Música

Loading...

www.endviolenceagainstwomen.org.uk